Edit Content

grupo de artes

Investigador Responsável: Francisco Paiva

grupo de comunicação e media

Investigadora Responsável: Gisela Gonçalves

Siga-nos:

NEWSLETTER

Publicação de Comunicação

ANÁLISE DE DISCURSO CRÍTICA DA PUBLICIDADE: UM ESTUDO SOBRE A PROMOÇÃO DE MEDICAMENTOS NO BRASIL

Neste livro, apresentamos resultados da pesquisa de doutorado “Discurso e ideologia na propaganda de medicamentos: um estudo crítico sobre mudanças sociais e discursivas”, desenvolvida no Programa de Pós-Graduação em Linguística da Universidade de Brasília. O estudo tem como objetivo geral investigar na propaganda de medicamentos brasileira sentidos potencialmente ideológicos que contribuam para sustentar relações assimétricas de poder, sobretudo entre “leigos” e “peritos”, da saúde e da linguagem.

Os objetivos específicos são, primeiro, investigar mudanças sociais e discursivas, bem como suas conexões, na rede de práticas implicada na promoção de medicamentos na modernidade tardia. Segundo, investigar sentidos potencialmente ideológicos em textos que materializam o (sub)gênero “anúncio de medicamento”. E, por fim, investigar o potencial ideológico de convenções discursivas nas práticas de leitura pesquisadas. Tendo em vista tais objetivos, problematizamos o papel do discurso na sustentação de preocupações sociais ligadas ao consumo inadequado de medicamentos.

Price of the print edition: € 20

AUTORES / EDITORES

Viviane Ramalho

COLEÇÃO

LabCom Books

ANO DA EDIÇÃO

2010

ISBN

978-989-654-049-4

Please wait while flipbook is loading. For more related info, FAQs and issues please refer to DearFlip WordPress Flipbook Plugin Help documentation.

Índice

APRESENTAÇÃO 31 Propaganda de medicamentos no Brasil: da instauração ao controle
1.1 Instauração da propaganda de medicamento no Brasil
1.1.1 Reclames e almanaques
1.1.2 Anúncios de televisão
1.2 Consolidação do problema social
1.2.1 Lucro da indústria farmacêutica e investimento em publicidade
1.2.2 Impactos sociais da propaganda de medicamento
1.3 Controle sanitário da promoção de medicamentos
1.3.1 Atuação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária
1.3.2 Legislação Sanitária Brasileira para a promoção de medicamentos

9 2 Análise de Discurso Crítica: discurso publicitário e identificação do consumidor de medicamento 47 2.1 Análise de Discurso Crítica: perspectiva crítico-explanatória para estudos da linguagem
2.2 Discurso particular da publicidade
2.3 Identificação do consumidor de medicamentos   3 Uma abordagem crítica para o gênero discursivo "anúncio publicitário de medicamento" 73 3.1 Gênero discursivo: estudos bakhtinianos
3.2 Abordagens contemporâneas de gêneros discursivos
3.3 Abordagem de gêneros discursivos para a pesquisa: na esteira da ADC   4 Percursos teórico-metodológicos: pesquisa qualitativa em ADC 115
4.1 Pesquisa qualitativa
4.2 Perspectivas ontológicas: visão crítico-realista da ADC
4.3 Perspectivas epistemológicas: estratégias de investigação
4.4 Perspectivas metodológicas: geração de dados
4.5 Perspectivas metodológicas: análise de dados   5 Da propaganda de medicamentos tradicional à moderna 161 5.1 "Facto ignorado"(1927)
5.2 "O extranho caso do Praxedes Pontes" (1933)
5.3 "Bayer anuncia Aspirina" (1974)   6 Promoção de medicamentos na modernidade tardia 209 6.1 "Intestino Irritável agora tem saída" (2002)
6.2 "Sexo seguro na vida adulta"(2005)
6.3 "Nahora H,conte conosco"(2006)   CONSIDERAÇÕES FINAIS 271 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 279
cima
PT